O triste fim de uma relação duradoura

   Quando me apaixonei por ele não dava nada para sua aparência. Achava que teria uma personalidade insossa, nada interessante. Até que começamos a nos relacionar e descobri o quão incrível era o momento em que passávamos juntos. Queria que nosso amor fosse eterno, não me via sem sua companhia. E assim, dez anos se passaram e nosso amor apenas crescia, se intensificava e ele ficava mais bonito. Pela minha cabeça, nunca passara a possibilidade de uma decepção; era o relacionamento perfeito. E de repente, em um dia de muito amor, me atacou o fígado. Pretendo nunca mais comer milho com creme de leite.

2 comentários:

Anônimo disse...

Muito bom!!
Gostei

Mage Bgt disse...

Haha!! Obrigada :D